Saiba como funciona o novo canal de comunicação entre Governo e sociedade

 

Está disponível o novo sistema informatizado de Ouvidoria (e-Ouv) para receber manifestações (denúncias, reclamações, solicitações, sugestões e elogios) dirigidas aos órgãos e entidades do Governo de Mato Grosso do Sul. Lançada na terça-feira (20), a ferramenta abre um canal direto de diálogo com a sociedade por meio da internet.

Para acessá-lo basta entrar no site da Controladoria-Geral do Estado e clicar no banner do sistema, ou no Portal da Transparência, ou em qualquer site oficial do Governo de Mato Grosso do Sul, e encontrar obanner do e-Ouv. A ouvidora-geral, Renata Lara Diniz Brandão, explica que qualquer pessoa física ou jurídica pode realizar uma manifestação, sendo possível optar por cadastrar-se ou não.

“É possível registrar e consultar o andamento da manifestação informando apenas o nome e o e-mail de contato. Também pode ser feito o registro de manifestação sem qualquer identificação, porém desta forma não há a possibilidade de seu acompanhamento. Nós aconselhamos que o cidadão crie um perfil no sistema e faça o login, para ter acesso a todas as mensagens enviadas. É possível incluir anexos nas manifestações, como documentos de texto, imagens, planilhas e arquivos no formato PDF. O limite total é de 30MB”, pontua.

Reprodução/Facebook

Sistema informatizado de ouvidoria do Governo de MS

Cadastro e solicitação de anonimato

Para se cadastrar é muito simples: basta acessar a página do sistema de Ouvidoria, clicar em “Cadastre-se” e fazer o auto cadastro. O sistema enviará um e-mail de confirmação com um link de ativação, que após aberto conclui o registro. É preciso que a opção “pop-up” esteja desativada. Conforme a ouvidora, mesmo quem tiver cadastro, pode pedir acesso restrito aos dados pessoais e terá a garantia de proteção à identidade, por força da Lei nº 12.527/11 (Lei de Acesso à Informação Federal) e da Lei nº 4.416/13 (Lei de Acesso à Informação Estadual).

Veja a matéria completa:
http://diarionline.com.br/index.php?s=noticia&id=101067

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *