Pioneira no Grupamento de Fuzileiros e banda do 6º DN, Olga é exemplo para outras mulheres

 

Apesar de única em meio a um grande grupo de homens, a terceiro-sargento Fuzileiro Naval Músico, Olga Sodré dos Santos, 27 anos, não passa despercebida, seja tocando o trombone ou nas suas funções, como proteção dos ambientes militares do 6º Distrito Naval em Ladário.

Na cidade pantaneira há cerca de um ano, a sargento é natural de Volta Redonda, no estado do Rio de Janeiro, e, na unidade militar situada na fronteira oeste do país, escreveu seu nome como a primeira mulher a integrar o Grupamento de Fuzileiros Navais de Ladário e a banda de música do 6º Distrito Naval.

“Fui a única mulher do meu curso, dentre quase mil alunos, mas temos outras mulheres no Brasil no Corpo de Fuzileiros, não muitas, mas  há”, comentou a militar sobre o fato de pertencer a um grupo preparado para enfrentar combates e situações hostis como sugere o próprio nome ‘fuzileiro” ao lembrar que os integrantes são aqueles habilitados a utilizar armamento (mais habitualmente fuzis) para proteção das unidades militares.

Veja a matéria completa:
http://diarionline.com.br/index.php?s=noticia&id=100767

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *